POR SÔNIA BETTINELLI: O novo ciclo na carreira política da petista Ana Affonso

26 de junho de 2024 - 06:10
Por Sônia Bettinelli

A vereadora Ana Affonso (PT) começou a sAna e despedir do plenário da Câmara de Vereadores de São Leopoldo, na sessão do ontem (25) quando comunicou oficialmente aos colegas que aceitou o convite do ministro extraordinário da Reconstrução, Paulo Pimenta (PT) para integrar a equipe. “Fiquei surpresa e muito feliz com o convite para desenvolver um trabalho com as mulheres, chefes de família da região metropolitana no ministério de Reconstrução”, disse Ana que pretende reunir todos o vereadores antes do final de semana. “Quero dar um abraço em todos os meus colegas”, disse a vereadora.

Prova de fogo

Ana Affonso está no quarto mandato de vereadora, além de um mandato de deputada estadual, mas certamente o momento mais difícil de sua carreira política foi em 2021, 1º ano da atual legislatura quando presidiu o Legislativo e precisou colocar em votação a redução da RPV que atingiu diretamente os professores, ou seja, seus colegas. Até hoje, Ana Affonso é cobrada pelos colegas por uma decisão que não partiu dela. Em 2022, a segunda “pancada” da petista foi de não ter sido eleita deputada estadual  mesmo fazendo mais de 35 mil votos. Ficou na suplência por pouco mais de mil votos.

Na Assembleia

Para 2025, a possibilidade de Ana Affonso assumir uma cadeira na Assembleia Legislativa é grande porque deputados petistas podem se eleger como prefeitos.

Republicanos

Juliano Fortes e Rodrigo Martins, respectivamente pré-candidato a prefeito e presidente do Republicanos, se reuniram com o deputado estadual Vitorino. O assunto foi a eleição de outubro. O Republicanos quer estar na majoritária.

 

Notícia anterior
Próxima notícia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Escute a rádio ao vivo