Famurs alerta municípios do término de prazo para cadastro ao Auxílio Reconstrução

24 de junho de 2024 - 13:17

O prazo para as prefeituras cadastrarem as famílias gaúchas no Auxílio Reconstrução termina nesta terça-feira (25). Ao todo, 444 municípios estão com os reconhecimentos federais de situação de emergência ou de estado de calamidade pública vigentes em decorrência a tregédia climática que acometeu o Rio Grande do Sul.

As famílias residentes em áreas atingidas pelas enchentes, que abandonaram suas casas, de forma temporária ou definitiva, nos municípios em situação de calamidade ou emergência, têm direito de solicitar o auxílio no valor de R$ 5,1 mil para cada família.

Os municípios devem cadastrar os dados das famílias na página do Auxílio Reconstrução (www.gov.br/auxilioreconstrucao) e, em seguida, o responsável familiar precisa confirmar as informações no mesmo site.

Na sequência, a Caixa Econômica Federal realiza o depósito em conta. Até o momento, 256,7 mil famílias de 115 municípios foram aprovadas no benefício, sendo que 208 mil fizeram a confirmação dos dados. Entre as famílias que confirmaram as informações, 202 mil estão com os R$ 5,1 mil na conta, o que totaliza R$ 1 bilhão.

Inicialmente, o valor destinado ao Auxílio Reconstrução era de R$ 1,23 bilhão para 240 mil famílias. Com a publicação da Medida Provisória nº 1.235, na quarta-feira (19), o Ministério da Integração e do Desenvolvimento Regional (MIDR) teve um crédito extraordinário de mais R$ 689,6 milhões. Com isso, 135 mil famílias foram incluídas no cadastro de beneficiários.

Auxílio Reconstrução

O Auxílio Reconstrução foi criado pela Medida Provisória nº 1.219, editada pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva. A Portaria nº 1.774, que regulamenta a MP, foi publicada no dia 21 de maio.

Com o benefício, famílias desalojadas ou desabrigadas do Rio Grande do Sul tem o direito ao valor de R$ 5,1 mil, em parcela única, para ajudar na recuperação de bens perdidos nas enchentes. Não há critério definido para a utilização do recurso. O valor pode ser usado da maneira que as vítimas considerarem melhor.

Mais informações sobre o Auxílio Reconstrução acesse o link: https://www.gov.br/mdr/pt-br/noticias/auxilio-reconstrucao-tire-todas-as-suas-duvidas.

Notícia anterior
Próxima notícia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Escute a rádio ao vivo