São Leopoldo registra mais um óbito por dengue, já são 22 mortes só em 2024

8 de junho de 2024 - 08:15
Por Juliano Palinha

O mosquito da dengue não parou de matar por causa das enchentes. Em São Leopoldo foi registrado ontem a 22ª morte causada pelo Aedes aegypti, mosquito transmissor da doença, só em 2024.

O município lidera o número de mortes por dengue no Estado do Rio Grande do Sul. São 12.271 pessoas contaminadas pela doença neste ano e 305 ainda sob investigação.

A vigilância em saúde de São Leopoldo segue tentando combater o mosquito na cidade. Na quinta realizou aplicação de inseticida no bairro Cristo Rei. Num primeiro momento, agentes de combate a endemias (ACEs) percorrem as ruas orientando pedestres e moradores sobre o trabalho e pedindo para que recolhessem os animais de estimação por causa do barulho da máquina. Os proprietários podem permitir a aplicação dentro de seus pátios.

As ações de orientação e aplicação são feitas no entorno de residências com casos suspeitos ou confirmados. A prática é chamada de Pesquisa Vetorial Especial (PVE), indicada pelo Ministério da Saúde como ação de bloqueio de transmissão.
No dia 1° de maio, antes da enchente, o município contabilizava 9.569 casos confirmados de dengue e 17 óbitos. Agora, o painel do Governo do Estado mostra 11.221 casos e 22 óbitos na cidade.
Notícia anterior
Próxima notícia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Escute a rádio ao vivo