Cor da água no Charrua e São Miguel é difusão de carga de poluição das ruas, diz biólogo da Semman

20 de maio de 2024 - 15:49
Por Juliano Palinha

A cor escura da água próximo aos residências Charrua, São Miguel e toda aquela região chamou atenção de moradores nesta segunda-feira (20).

Segundo Joel Dias, biólogo da Secretaria do Meio Ambiente de São Leopoldo, isso acontece quando eventos de chuvas extremas e torrenciais ocorrem. “É uma “lavagem”. Uma remoção e carreamento de toda carga poluidora presente nas ruas e galerias de drenagem urbana, bem com, neste caso, houve a inundação de vários empreendimentos, oficinas mecânicas, postos de serviço, postos de combustíveis e indústrias esse matéria e resíduos foram levados pela águas da enchentes para outros pontos da ciadade , para as ruas causando a distribuição e difusão desta carga de poluição. E é isto que o pessoal esta vendo”, explicou.

Joel alerta que “toda água estagnada, de enxurradas, de enchentes, provenientes de lavagens de ruas é poluída, tanto do ponto de vista de poluição biológica como de outros agentes poluidores”.

É preciso ter cuidado porque estás águas são muito poluídas e com uma toxicidade devido aos fatores citados.

Notícia anterior
Próxima notícia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Escute a rádio ao vivo