Vítima de parada cardíaca professora da Germano Sperb Camila Menezes morreu hoje

11 de abril de 2024 - 14:46

Professora da rede municipal de educação de São Leopoldo, da escola Germano Sperb, Camila Menezes Fioravante, 44 anos, morreu por volta das 11 horas desta quinta-feira, em casa, vítima de parada cardíaca. Conforme a vice-presidente do Ceprol, Rosi Petersen, amiga pessoal, Camila era asmática.

“Ela precisa usar a bombinha sempre e morreu em casa porque estava em licença por ter torcido o pé. Ela é de Santa Maria e o sepultamento será lá. Porém assim que o corpo for liberado pelo Hospital Centenário, será velado na Funerária Sinai, mas o suficiente para que possamos nos despedir dela”, disse Rosi ainda tentando entender o momento.  Camila era professora da rede municipal desde 2013.

O site Berlinda lamenta e se solidariza com a família, amigos colegas da rede, da escola e alunos.

 

Notícia anterior
Próxima notícia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Escute a rádio ao vivo