AUMENTO NO VALOR: São Leopoldo debate o rompimento do convênio com o Ipê Saúde

16 de novembro de 2023 - 18:19

São Leopoldo debatendo a possibilidade de mudar o convênio médico. Nesta quinta-feira (16) houve uma reunião entre os secretários Geral do Governo, Nelson Spolaor, da Administração Rafael Forneck com a presidente do Sindicato dos Professores Municipais Leopoldenses (CEPROL), Cris Mainardi, e representantes do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de São Leopoldo. Na pauta a possibilidade de rompimento do convênio com o Ipê Saúde do Governo do Estado, devido a nova tabela de valores de cobrança aos servidores pelas novas regras do Sistema de Assistência à Saúde dos Servidores Públicos do Estado.

O principal motivo do descontentamento e do possível rompimento é a nova alíquota proposta que aumenta de 41%, para mais de 65,20%, do percentual dos salários dos servidores. A preocupação apresentada pelos dirigentes no encontro com o governo é de encontrar uma solução para que os servidores não sejam prejudicados.

O convênio atual ficará em vigor até 15 de janeiro de 2024 e a principal inclinação dos sindicatos é que o mesmo não seja renovado. Para tanto uma agenda com a direção do Ipê será solicitada, buscando encontrar uma solução para que estes 181 servidores leopoldenses, tenham seus direitos garantidos, podendo migrar como optantes do plano, garantindo as atuais coberturas e condições.

De acordo com o secretário Nelson Spolaor: “O tema nos preocupa muito, ficamos muito impactados com esse aumento do IPE, que entendemos como abusivo, e estamos falando de 181 pessoas que precisam ser amparadas e elas não podem ficar descobertas. Queremos que eles tenham a possibilidade de migrar para um plano optante e continuar recebendo o mesmo tratamento. Estamos juntos nessa luta com os servidores nessa discussão”, afirmou Spolaor.

Notícia anterior
Próxima notícia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Escute a rádio ao vivo