Governo oferece 8,1% de reajuste aos servidores públicos de SL e mais uma vez desagrada sindicatos

27 de abril de 2023 - 16:40
Por Juliano Palinha

Governo de São Leopoldo e sindicatos ainda não entraram em um acordo sobre o reajuste salarial de 2023 dos servidores públicos do município. Ontem, em mais uma mesa de negociação entre governo e representantes dos Sindicatos dos Servidores Públicos Municipais de São Leopoldo (SSPMSL) e Ceprol Sindicato dos professores, a proposta ainda ficou distante das reivindicações das categorias.

Desta vez o governo ofereceu 8,1% de reajuste, sendo 4,36% relativos ao INPC do período, mais 3,74% de ganho real (ganho real referente a 2020/2021). Além de 4,36% no vale alimentação e garantia da data base prevista em lei. A proposta anterior era de 7,83%.

A proposta do governo foi apresentando pelo secretário Geral de Governo (SGG), Nelson Spolaor. “Com a nova proposta apresentada pelo governo municipal de 8,1%, estamos diante da reposição inflacionária do período 2022 e 2023, e atendendo a toda legislação” afirmou.

POSIÇÃO DO SSPMSL

O diretor do Sindicato dos Servidores Públicos de São Leopoldo, Andrei Rex, disse que “o índice apresentado não contempla as necessidades da categoria e será realizada uma nova assembleia, para deliberar quais medidas serão tomadas”, comenta.

POSIÇÃO DO CEPROL

A presidente do Ceprol, Cristiane Mainardi afirmou que a proposta foi rejeita pela categoria já na mesa de negociação. “Nossa comissão de negociação rejeitou essa proposta na mesa, por considerar que não houve referência em relação ao piso do professor. Como foi uma mesa apenas de pauta econômica, a gente irá avaliar essa proposta como novos subsídios para negociação. Agora iremos fazer algumas reuniões, para tratar também da pauta específicas com a Smed. Ou seja vamos fazer alguns movimentos com a direção do Ceprol, Conselho Político e depois fazer uma assembleia para tratar disso”, comentou.

Antes e durante a reunião de ontem o Ceprol realizou uma movimentação em frente a Prefeitura reunindo a categoria.

A próxima reunião ficou marcada para terça-feira, dia 2.

Notícia anterior
Próxima notícia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Escute a rádio ao vivo