Evento Te liberta mulher no MP de SL para orientar sobre a rede de apoio às vítimas de violência doméstica

24 de março de 2023 - 14:50

Está em andamento até 17 horas de hoje, no auditório do Ministério Público (MP), o evento organizado pela OAB/São Leopoldo com apoio Tribunal de Justiça/RS e o Ministério Público/RS, Te Liberta Guria sobre a rede de apoio às mulheres vítimas de violência doméstica como atividade no mês da mulher. O objetivo é fazer com que as vítimas, familiares e a comunidade em geral saibam onde procurar ajuda.

Estão ocorrendo painéis com do professor Ronaldo Teixeira, o Nado, representante da Unesco. A delegada de polícia Michele Arigony, titular da Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (DEAM) de São Leopoldo, fala nesse momento sobre o papel da Deam. Em seguida a capitã Bibiana Menezes, do 25º BPM, falará do trabalho da Patrulha Maria da Penha.

“Só 10% das vítimas registram ocorrência e muitas não fazem porque não sabem que estão sofrendo violência. DE 1 de janeiro até hoje (24) foram 659 denúncias, muitas anonimamente e todas são verificadas. Não é só agressão física que configura crime, violência psicológica, patrimonial. Estar casada com aquele homem não significa que a violência sexual seja considerada estupro”, disse a delegada Michele.

Notícia anterior
Próxima notícia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Escute a rádio ao vivo