1h22: Estação Primeira de São Léo pede liberdade, respeito e cidadania

12 de março de 2023 - 01:31
Por Sônia Bettinelli/Juliano Palinha

Já era 1h22 quando a Estação Primeira de São Léo pisou na Avenida. Um problema no som que abastecia avenida do samba no início do desfile, causando por um cabo desconectado, não estragou a harmonia da bicampeão do Carnaval Leopoldense. Os organizadores do evento chegaram a propor para escola iniciar de novo o desfile, mas a direção quis seguir. Hoje (12) na hora do resultado a expectativa será sobre esse problema.

A atual bicampeã do carnaval de São Leopoldo levará para a avenida uma “Carta aberta para uma nova era”. Fundada em 17 de março de 2007, nas cores azul e branco, a escola que traz um papagaio como símbolo, será a terceira escola a desfilar no dia 11 de março na Passarela Tom Astral.

A Estação Primeira atua desde seu ano de fundação na luta contra preconceito, desigualdade, fome, no combate ao racismo, e neste ano leva esse histórico para a avenida. “Carta aberta para uma nova era” é o tema do samba-enredo que traz a esperança de uma nova era de liberdade, respeito e cidadania. A escola irá levar uma mensagem em defesa dos direitos sociais e humanitários, que ainda hoje são violados em nossa sociedade. A paz, o amor, a felicidade, o carinho e afeto brilharão na avenida.

A presidente da escola, Rosana Leticia Pinheiros Marins, conhecida como Zana, apresenta o carnaval como “A magia do samba que te transforma”.

Conheça a letra do enredo da Estação Primeira de São Léo

“Carta aberta para uma nova era”

De corpo e alma

Vou me entregar, sou carta aberta a luz do luar

Teu manto inspira

Dá voz a razão

Valente guerreira

Tu és a primeira no meu coração

Aos olhos desta poesia

Uma nova era, vou cantar

Das dores sentidas,

A superação

No peito um aperto,

A desilusão

Meu verde e amarelo,

Outrora sem cor

Agora respira a vida

Ah! senti o aroma da fartura

Já posso buscar meu quinhão

Cultura, saúde e a educação

Paira no ar a esperança

É novo dia

Levante a cabeça, sorria

Estende a mão ao irmão

Ajuda! me abraça

Deixa o amar nos levar

Chegou a hora

Vamos virar o jogo

De alma lavada

Banhados na paz

Lembrar dos heróis

Defensores da vida

Ó pátria amada Brasil

Hoje és minha bandeira

Nos braços da Estação Primeira

Mensageira de bambas

Na força da fé

Teu canto ecoa na avenida

Em azul e branco

A escola povo

Vou passar

Notícia anterior
Próxima notícia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Escute a rádio ao vivo