Ação da Polícia Civil desarticula quadrilha suspeita de ameaçar e extorquir empresários de São Leopoldo e região

13 de dezembro de 2022 - 08:58

A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (DRACO) de São Leopoldo, juntamente das equipes das Delegacias de Polícia de Sapiranga, Nova Hartz, Dois Irmãos, Portão e Estância Velha, realizou nesta terça-feira (13) uma operação para reprimir um grupo, ligado à organização criminosa sediada no Vale do Rio dos Sinos, responsável por extorsões, mediante ameaças com armas de fogo, contra empresários de diversas cidades da região. Foram cumpridos dois mandados de prisão preventiva e seis de busca e apreensão, simultaneamente, nos municípios de Campo Bom, Novo Hamburgo, São Leopoldo e Sapiranga.

Desde meados de 2021, a Polícia Civil vinha recebendo informes a respeito de grupo, que se caracteriza por ir pessoalmente até estabelecimentos comerciais, munido com informações pessoais de potenciais vítimas. A quadrilha se diferencia por escolher alvos, monitorá-los fisicamente, para depois confrontar suas vítimas com fotografias, exigindo dinheiro, pagamentos semanais, sob pena de praticarem violência contra familiares. Na maioria das vezes, são utilizadas fotografias de filhos, esposas ou idosos, familiares das vítimas, retiradas de redes sociais.

Na ação desta terça, em Campo Bom e Sapiranga, foram presos dois suspeitos de realizarem as extorsões. Em Sapiranga, um terceiro indivíduo ainda foi detido em flagrante por tráfico de drogas. Um dos presos, apontado como líder do esquema, possui antecedentes criminais por homicídio qualificado, extorsão com emprego de armas de fogo e já havia sido preso pela Polícia Federal por envolvimento em tentativa frustrada de roubo a uma agência bancária em 2021.

Notícia anterior
Próxima notícia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Escute a rádio ao vivo