Raks, startup sediada no Tecnosinos, recebe prêmio Mulheres Inovadoras

13 de outubro de 2022 - 12:58

Estudo realizado pela Associação Latino-Americana de Private Equity & Venture Capital (LAVCA) apontou que o volume investido em startups lideradas por mulheres na América Latina saltou de 16% em 2019 para 31% em 2022. Apesar dos avanços, a diversidade no setor de inovação e tecnologia ainda está longe de ser uma realidade.

Desbravando esse cenário, a Raks Tecnologia Agrícola, empresa instalada no Tecnosinos que desenvolve sistemas de monitoramento de umidade do solo, recebeu um importante reconhecimento: o prêmio Mulheres Inovadoras. A iniciativa da Finep em parceria com o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI) busca estimular startups lideradas por mulheres por meio da capacitação de empreendimentos que possam favorecer o incremento da competitividade brasileira.

Juntamente com outras 31 startups de todo o Brasil, a Raks participou de um processo de aceleração com palestras e mentorias especializadas, que contou com suporte e acompanhamento de profissionais da Finep e do mercado. Após essa etapa, produziu uma apresentação final para uma banca avaliadora e foi uma das três escolhidas da Região Sul para receber a premiação de R$ 120 mil.

De acordo com sócia da Raks Tecnologia Agrícola, Fabiane Kuhn, o prêmio viabilizará a produção de sensores e equipamentos que serão alocados em campo, trazendo ainda mais economia de recursos no setor agrícola e rentabilidade para as lavouras.

Fabiane avalia que o cenário ainda é desafiador e predominantemente masculino, mas que os espaços estão cada vez mais sendo ocupados por mulheres. Para ela, a experiência de participar de um edital voltado para o aumento da representatividade é muito positiva. “Esse tipo de ação fomenta o empreendedorismo e mostra exemplos de liderança feminina em diferentes segmentos. A importância está em criar essa comunidade e manter uma rede de apoio e de trocas”, ressalta.

Sobre a Raks

A Raks Tecnologia Agrícola desenvolveu um Sistema Inteligente para Otimização de Irrigação (Simi). A tecnologia é composta por sensores que realizam a medição da umidade do solo com ​o método TDR​, reconhecido por sua precisão. Ancorada em pilares de sustentabilidade, inovação e eficiência, a empresa oferece uma solução que aumenta a produtividade do setor agrícola e reduz o desperdício de recursos hídricos.

Sobre o Tecnosinos

Criado há mais de duas décadas e sediado na Unisinos, o Parque Tecnológico de São Leopoldo – Tecnosinos constitui-se em um ambiente de inovação que potencializa o empreendedorismo inovador. Baseado no modelo de governança em quádrupla hélice, o Parque realiza um trabalho coordenado entre universidade, governo, indústria e sociedade. Atualmente, reúne mais de 100 empresas consolidadas, graduadas e incubadas, além de startups, gerando mais de 8 mil empregos diretos, aumento de arrecadação e criação de uma cultura empreendedora.

O Tecnosinos conta com diversos ambientes para transformar ideias inovadoras em oportunidades de trabalho de alto valor. Além da incubadora de startups Unitec, o Parque possui diversos condomínios para empresas consolidadas, laboratórios e espaços de convivência. Neste ecossistema de inovação estão presentes também os Institutos Tecnológicos, que atuam no desenvolvimento de soluções tecnológicas e científicas para empresas e indústrias.

Notícia anterior
Próxima notícia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Escute a rádio ao vivo