Jornalista Nando Gross será pré-candidato a deputado estadual pelo PDT

22 de junho de 2022 - 22:26

Em entrevista ao site Coletiva.net, o  jornalista Nando Gross disse que irá concorrer a deputado estadual pelo PDT. O anúncio oficial da pré-candidatura será realizado em 30 de junho, na sede da zona sul de Porto Alegre do Sindicato dos Servidores Públicos da Administração Tributária do Rio Grande do Sul (Sindifisco-RS) (Avenida Guaíba, 4431 – bairro Vila Assunção). A mesma data marca a interrupção das suas atividades profissionais, conforme determinado pela lei. Atualmente Nando Gross está na Rádio ABC, do Grupo Sinos, em Novo Hamburgo.

Nando disse que já foi convidado por vários partidos para concorrer. “Agora, com 60 anos e uma carreira consolidada, procurei a deputada Juliana Brizola, não por amizade, mas por identificação política. Quando ela me confirmou que concorreria ao legislativo federal, decidi me filiar ao PDT e buscar uma cadeira na Assembleia”, justificou. Contudo, o jornalista garantiu que não deixará o rádio: “Retorno em 3 de outubro, independentemente do resultado”.

Ainda assim, o comunicador ressaltou que a decisão não foi fácil, especialmente por conta da impossibilidade de trabalhar pelos próximos três meses, o que considera um “absurdo”. “Não poder comentar futebol no rádio porque serei candidato é um excesso. Respeito a lei, mas está errado”, ponderou. Sobre os projetos que pretende defender como Deputado Estadual, Nando apontou que representantes do Esporte e Jornalismo atuam na política há bastante tempo, porém existem poucos projetos concretos nessas áreas.

Inclusive, a retirada da disciplina de Educação Física do currículo escolar da rede estadual é considerada um retrocesso pelo jornalista. “Eu não sou atleta, mas trabalho com esporte. É um mercado importante, que agrega diversas profissões, e pretendo lutar pelo restabelecimento desse ensino e pela escola de turno integral”, afirmou. Nando ainda alegou que sente que a sua busca pela vaga no legislativo é legítima: “A política não tem dono, é a participação de todos os segmentos da sociedade e acredito que as pessoas já me conhecem o suficiente para saberem as minhas ideias e de que lado estou”.

Por Coletiva.net

Notícia anterior
Próxima notícia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Escute a rádio ao vivo