Petrópolis tem chuva forte e Defesa Civil aciona 2º toque de sirenes para mobilizar população de áreas de risco

20 de março de 2022 - 17:18

Começou a chover forte na tarde deste domingo (20) em Petrópolis, na Região Serrana do Rio, e a Defesa Civil já acionou o segundo toque de sirenes para mobilizar a população das áreas de risco. Segundo o órgão, em menos de 1 hora foram registrados 118 milímetros de chuva.

A Cidade Imperial ainda se recupera do temporal catastrófico que atingiu o município no dia 15 de fevereiro e deixou 233 mortos. No dia da tragédia, em seis horas, choveu mais que o esperado para o mês inteiro, e o índice de chuva chegou a 259 milímetros.

A recomendação é para que a população das áreas de risco se desloque para locais seguros. Os 19 pontos de apoio estruturados por toda a cidade são alternativa para quem precisar sair de casa. Veja abaixo a lista dos pontos.
A Rua Coronel Veiga já está com o tráfego bloqueado no trecho entre as Duas Pontes e Ponte Fones, em função de inundação por conta da forte chuva. No centro de Petrópolis, a rua do Imperador ficou alagada após o rio transbordar no centro da cidade.

De acordo com o Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais, o Cemaden, os volumes de chuva atualizados para a cidade até 15h40 são:
Estação São Sebastião – Geo: 167,2 mm
Est. Dr Thouzet – Geo: 155,6 mm
Est. Bingen – Geo: 97,8 mm
Dados dos sensores operados pelo INEA registraram entre 14h15 e 15h15 o aumento do nível do rio Piabanha de 0,84 m para 2,65 m na estação de Bingen.

Neste domingo, as equipes da Defesa Civil se deslocaram para realizar o fechamento da via e reforçar a orientação aos motoristas e pedestres para que evitem o trecho. Agentes da CPTrans também reforçam a sinalização na área.
A cidade apresenta diferentes trechos com alagamentos nas vias. Moradores registraram em vídeos o momento da chuva deste domingo e pontos de alagamento e transbordo de rio em diferentes pontos da cidade.

A recomendação é que a população não tente atravessas as áreas alagadas e busque local seguro. A Defesa Civil orienta que a população siga as recomendações de segurança. Todo o efetivo está empenhado para o atendimento de possíveis ocorrências.
Em caso de emergência, o socorro pode ser acionado pelo 199 (Defesa Civil) e 193 (Corpo de Bombeiros).

Por G1

Notícia anterior
Próxima notícia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Escute a rádio ao vivo