Justiça do Trabalho do RS retomará atendimento presencial nas cidades com Alerta no Sistema 3As

4 de fevereiro de 2022 - 13:14

A Justiça do Trabalho do RS retomará, em 10 de fevereiro, o atendimento ao público presencial nas cidades em situação de “Alerta” no Sistema 3As. Perícias e leilões presenciais também poderão funcionar nessas localidades.

Hoje, as unidades atendem apenas por telefone, e-mail e balcão virtual nos municípios com Alerta ou Ação, sendo o trabalho realizado remotamente por magistrados e servidores.
Conforme a Portaria Conjunta nº 318/2022, publicada pelo #TRT4 nessa quinta, o atendimento presencial, as perícias e os leilões só serão suspensos caso a cidade entre em situação de “Ação” no Sistema 3As. Essa mudança de critério levou em conta o avanço da vacinação e o atual estágio da pandemia no Estado, que, apesar do expressivo aumento de casos de infecção, não tem causado superlotação de hospitais ou comprometido o funcionamento do sistema público de saúde.
A retomada da realização de audiências presenciais ou mistas será determinada oportunamente, com base nos dados técnicos da evolução da pandemia.
Horários
O horário de atendimento ao público será único a partir de 10/2: das 10h às 12h e das 13h30min às 16h, de segunda a sexta-feira, exceto feriados. Esse horário será adotado nos atendimentos por balcão virtual, telefone, e-mail e presencial. Entre 12h e 13h30, o atendimento será prestado apenas por e-mail.
O atendimento presencial deverá ser agendado por e-mail ou telefone com a respectiva unidade, e apenas quando houver necessidade justificada.
Os contatos das unidades estão em destaque na página inicial do TRT-RS. Fora do horário padrão de atendimento, funciona o Plantão Judiciário, para medidas urgentes.
Comprovante

Também a partir de 10, será obrigatória a apresentação de comprovante de ciclo vacinal completo para entrar nos prédios da Justiça do Trabalho da 4ª Região. Aqueles que não puderem comprovar a vacinação deverão apresentar testes PCR ou de antígeno negativos para a covid-19, realizados nas últimas 72 horas.

Notícia anterior
Próxima notícia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Escute a rádio ao vivo