Sicredi vai revitalizar praças Amadeo Rossi, Elis Regina, Marco Zero e canteiro central/Avenida Unisinos

27 de dezembro de 2021 - 14:18
Por Sônia Bettinelli com colaboração de Luis G Zambrzycki

Os frequentadores da praça Amadeo Rossi serão consultados sobre o que querem ver de melhorias no espaço público localizado no Centro da cidade. A consulta, que será pelas  redes sociais e também pessoalmente, é a primeira etapa do processo de adoção de espaços públicos firmado pela Sicredi Pioneira com a Prefeitura de São Leopoldo. O processo contempla também a praça Elis Regina, no São José, canteiro central da Avenida Unisinos e o espaço do Marco Zero. No Berlinda News Entrevista de hoje (27), o diretor executivo da Sicredi Pioneira, Solon Stah,e o superintendente do Semurb, Cludimir Schütze detalharam a adoção.

“Entendemos que está na hora de resgatar a nossa presença em São Leopoldo. Vamos começar por espaços públicos porque queremos melhorar a qualidade de vida das pessoas. A Sicredi nasceu em Nova Petrópolis, região germânica e São Leopoldo marca o início da chegada dos imigrantes, que algumas décadas depois participaram direta da fundação a cooperativa. Em 2022 vamos completar 120 anos.”

Consulta aos frequentadores

“Não temos um projeto pronto. Vamos construir o projeto com as pessoas que convivem com as praças. Vamos até as praças e nos bairros próximos para  ouvir das pessoas quais são as necessidades e o que esperam de uma revitalização destes espaços. A partir disso, vamos partir para o desenvolvimento e a execução do projeto.”

Marco Zero

“Temos dois elementos lá: a parte externa com uma pequena praça, e temos a própria casa. Nosso contrato com a prefeitura cobre apenas a parte externa, porém a casa também está no nosso radar para reformas no futuro, que tem grande importância para a cidade e para a nossa história.O desafio agora é dar visibilidade e vida para a casa do Marco Zero da Rota Romântica de São Leopoldo.”

Comemoração descentralizada

“Vamos comemorar os 120 anos da cooperativa em pelo menos 40 comunidades onde estamos presentes, descentralizando nossas festividades para as nossas comunidades, como em São Leopoldo.”

123 praças no município

Schütze comemora a parceria e disse que em São Leopoldo há 123 praças públicas. “Esse tipo de parceria nos ajuda e muito, pois pela quantidade de praças e diante da situação financeira que vivemos, precisamos ser criativos. Importante ressaltar também que é uma parceria de longo prazo”. Ainda segundo o superintendente, a secretaria está estudando outro local para os ônibus que iniciam suas rotas de linhas em frente o Marco Zero.

Recolhimento de lixo 

O superientende diz que duas vezes por semana são recolhido os lixos das praças. “Todas as quartas e sexta-feiras ocorrem esse trabalho pelas nossas equipes”. 

30 mil usuários usam as praças

Conforme Schütze, antes da pandemia chegar em torno de 30 mil pessoas usavam as praças aos finais de semana. O superientende lembra também que a internet na praça irá retornar em 2022.

Luz de led

Em São Leopoldo 72 praças conta com luz de led na sua iluminação.

Ouça  a entrevista completa

 

 

 

Notícia anterior
Próxima notícia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Escute a rádio ao vivo