ENTRE SONHOS E REALIDADES: Um olhar para a infância

7 de setembro de 2021 - 15:46
Por Cíntia Maciel

A pandemia não é apenas viral. É também emocional!

Desde que a pandemia iniciou no Brasil, em meados de março de 2020, algumas mudanças na sociedade “desorganizaram” a rotina das pessoas, sobretudo, a das crianças.

As práticas educativas ganharam uma reconfiguração, e por assim dizer, nem todos os lares têm condições de dar conta dessas demandas, em sua grande maioria, virtuais.

Diante disso, fica o questionamento: Como proceder em relação à educação dos filhos?

A prevenção de problemas comportamentais correlacionados ao desenvolvimento da criança em diferentes contextos, tem sido uma tarefa exclusiva dos pais e/ou responsáveis, mesmo com o retorno das atividades em formato presencial.

A criança filtra as informações de tudo aquilo que acontece no seu entorno, o que possibilita a ela construir sua trajetória psicológica, interagindo com espaços físicos e sociais. Isso a torna mais questionadora e seu comportamento altera no momento em que não sabe lidar com sentimentos modificados de forma brusca, pois ainda lhe faltam recursos cognitivos para compreender algo tão além de seus conhecimentos, como o é o caso do Corona Virus.

Aspectos como o medo, a ansiedade, o cansaço mental estão trazendo à tona uma série de incertezas e inseguranças que, futuramente, poderão comprometer o desenvolvimento psíquico desses sujeitos.

Sobre o processo de ensino-aprendizagem, pesquisadores avaliam como positiva a interação parental, o que encoraja a criança verbalmente e reforça comportamentos que produzem melhora no desenvolvimento escolar.

Vale ressaltar que, tanto a família, quanto a escola são instituições importantes à socialização e à educação infantil.

Este envolvimento dos pais na vida escolar dos filhos é um aspecto que deve ser incentivado, porque pode promover condições favorecedoras para a aquisição de conhecimento e aprendizagem.

Lar saudável

A família é considerada a primeira relação social, uma vez que é ela quem apresenta o mundo à criança. E, independente da configuração familiar, é um local de socialização que influencia todo o seu desenvolvimento.

Notícia anterior
Próxima notícia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Escute a rádio ao vivo