Programa de capacitação pretende empregar três mil jovens leopoldenses no Tecnosinos até 2024

14 de julho de 2021 - 19:48
Por Isabella Belli

O grupo de Governança do Parque Tecnológico da Universidade do Vale do Rio dos Sinos (Unisinos), em parceria com o Tecnosinos, a Unisinos e o Senac São Leopoldo irá implementar no Município o “Programa 3000 talentos TI – São Leopoldo Cidade Tecnológica 2024”.

O objetivo, de acordo com a diretora do Tecnosinos, Susana Kakuta, é capacitar três mil jovens leopoldenses nos próximos pelos próximos dois anos.

No programa Berlinda News Entrevista desta quarta-feira (14), Kakuta explicou que, apesar do pólo tecnológico já ter mais de 8,6 mil funcionários nas 118 empresas, a pandemia aumentou a demanda de trabalho e consequentemente as oportunidades de emprego. A estimativa é de que, até 2024, abram mais 6 mil vagas no local.

Historicamente temos tido uma demanda extremamente forte no Tecnosinos e durante a pandemia, ao contrário dos outros setores econômicos e do próprio desemprego que vimos no Brasil, isso se agravou mais ainda, porque nossas empresas produzem tecnologia que vão para todos os seguimentos por conta dos limites da pandemia. Essa demanda aumentou muito e a pandemia trouxe outro fator relevante também que foi a contratação dos nossos jovens por empresas estrangeiras em sistema de home office, como por exemplo, a Holanda e o Canadá. Ou seja, é um programa que surgiu nesse contexto e poderemos, por meio dele, fazer São Leopoldo crescer.”

Para o vice-prefeito Ary Moura, que também estava presente no programa, iniciativas como essa fazem uma grande diferença na vida daquelas pessoas que não têm muita oportunidade.

“Isso será determinante para o futuro dos nossos jovens. O que Tecnosisos representa hoje para a nossa cidade é algo impressionante. Isso até nos emociona, porque dará oportunidade para quem está lá na ponta, sem condições alguma.”

CLIQUE AQUI e assista o programa na íntegra.

CURSOS PREPARATÓRIOS 

São cursos de curta, média e longa duração que vão preparar os alunos para suprir a demanda de talentos na área de Tecnologia da Informação (TI) que são o foco da Governança do Tecnosinos, compartilhada entre a Unisinos; a Prefeitura de São Leopoldo; Acist-SL e o Polo de Informática de São Leopoldo. Susana ressaltou também, que os egressos desses cursos poderão passar por exames de proficiência, quando quiserem cursar uma graduação na universidade, assim poderão pular as disciplinas que já dominam.

Notícia anterior
Próxima notícia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Escute a rádio ao vivo