Confira o vídeo: Música ao vivo liberada até às 23 horas na noite de São Leopoldo

21 de junho de 2021 - 21:37
Por Sônia Bettinelli

Após meses de silêncio, o povo da música poderá soltar a voz na noite leopoldense, a partir de amanhã, 22 de junho. Por decreto, o prefeito de São Leopoldo, Ary Vanazzi (PT), seguindo orientação das demais cidades da região, liberou a música ao vivo até 23 horas em bares, casas noturnas, restaurantes e similares com protocolos, como por exemplo, formato acústico e no máximo dois artistas. Os locais podem receber clientes até 23 horas e funcionar no máximo até meia-noite.

Sem trabalho há muitos meses, parte dos músicos precisou de ajuda do poder público, da Lei Aldir Blanc e de amigos. “Muita gente vendeu instrumento e foi fazer outra coisa para sobreviver”, destacou o sanfoneiro Israel Silveira, no Cultura Capilé da última sexta-feira, quando mostrou parte do repertório do Forrópilé junto com Samuca Mendonça.

Também na sexta-feira, músicos se  reuniram no prédio amarelo da Feevale, numa manifestação silenciosa pelo direito de voltar a trabalhara. “O protesto foi o silêncio como estamos há muito tempo”, observou Samuca.

Missas, cultos e serviços religiosos

O Comitê também alterou o regramento para missas, cultos e serviços religiosos, com ocupação máxima de 50% das cadeiras, assentos ou similares, ocupação intercalada de assentos, com ocupação espaçada entre os assentos e de modo alternado entre as fileiras. O horário de funcionamento máximo das igrejas é até 23h.

 

Notícia anterior
Próxima notícia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Escute a rádio ao vivo