Agentes da Prefeitura de São Leopoldo retomam visitas domiciliares para prevenção ao aedes aegypti

18 de junho de 2021 - 12:58
Após um ano de suspensão por conta das regras de prevenção ao covid-19, os agentes de combate às endemias Secretaria da Saúde voltaram a realizar visitas nas residências. O trabalho recomeçou pelo bairro Arroio da Manteiga, um dos maiores e mais populosos da cidade. A última atividade de visita aos moradores havia sido realizada no da 18 de junho do ano passado, no bairro Cristo Rei.

Munidos de máscaras e álcool gel, os servidores, identificados com crachá e jaqueta azul marinho, orientaram moradores e coletaram amostras quando necessário. O principal alvo são vasos de plantas, pneus e potes de água e ração para animais de estimação. Para acelerar a varredura, os agentes se dividem em duplas que ficam responsáveis cada um por um quarteirão.

Moradora há mais de duas décadas do bairro, a dona de casa Célia Potrich aprovou a retomada das vistorias e abriu a porta para os agentes. “Eles trazem informações, dicas. É um cuidado importante. Se fala muito, e com razão, da covid-19, mas a dengue também pode levar a morte”, alertou.

O secretário municipal de Saúde, Marcel Frison, pediu a colaboração dos moradores tanto nos cuidados com a casa quanto no acolhimento dos agentes. “Temos uma equipe treinada, bem preparada e seguindo os protocolos sanitários para fazer as visitas. Pedimos que os moradores também tenham essa atenção. Além, é claro, de ficarem especialmente atentos nesse período de chuvas. Já que o aedes aegypti gosta de água limpa para se reproduzir”, reforçou.

Prevenção e controle diário em São Leopoldo

O controle vetorial e a prevenção da Dengue, Febre Chikungunya e Zika Vírus é realizado pela Vigilância Ambiental com base nas Diretrizes Nacionais para a Prevenção e Controle de Epidemias de Dengue do Ministério da Saúde (MS). Atualmente, a equipe da Vigilância Ambiental conta com biólogas, veterinários e 23 agentes de combate às endemias (ACEs).

De acordo com o supervisor de campo Matheus Severo, da Vigilância em Saúde, apesar da pausa nas visitas, o trabalho da equipe não parou em nenhum momento. “Mesmo durante a pandemia, sempre seguimos visitando os pontos estratégicos como cemitérios, floriculturas e borracharias. Além da aplicação de inseticida em pontos com suspeita de casos. Mas a retomada das visitas é importante para chamar a atenção da população”, destaca.

As visitas no bairro Arroio da Manteiga seguirão até o mês de julho.

Notícia anterior
Próxima notícia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Escute a rádio ao vivo