Tração Animal: Prefeitura fará novo cadastro de carroceiros em São Leopoldo

12 de maio de 2021 - 15:37

Faltando um mês para encerrar o prazo para que a lei municipal 8.609 de 2017, que trata da tração animal – fim das carroças – entre em vigor, a Prefeitura de São Leopoldo anunciou um novo cadastramento dos proprietários de carroça, que usam a tração animal como fonte de renda. A lei municipal 8.609 é de autoria do vereador Brasil Oliveira (PSD).

Ontem (11), o  secretário Geral de Governo Nelson Spolaor com o secretário de Política de Proteção Animal (Sempa) Walter Verbist, retomaram as atividades do Grupo de Trabalho, para o  fim gradativo do uso da tração animal e a busca por alternativas de trabalho e renda em São Leopoldo.

O grupo deverá definir na próxima semana o formulário e o prazo para cadastramento dos proprietários de carroça que fazem o uso da tração animal como fonte de renda para que a partir desse cadastro e levantamento das famílias envolvidas se possa apresentar uma alternativa de substituição da utilização desses animais por bicicletas com carroça, ou mesmo outras fontes de sustento a essas famílias.

Para o secretário Nelson Spolaor, o diálogo é fundamental. “Temos um compromisso de governo de conversar com todos os setores da sociedade envolvidos nesse tema e buscar soluções de curto e médio prazo. Todo esse trabalho envolve entender também a necessidade das famílias e o cuidado com os animais, por isso vai ser importante esse cadastro que ter um diagnóstico e um levantamento mais preciso”, afirmou Spolaor.

“Essa reunião foi muito importante para retomarmos esse diálogo mais presente e estudarmos os encaminhamentos para esse processo do fim gradativo do uso da tração animal, temos uma ideia de a partir do cadastro ir pensando soluções para as famílias e alternativas do seu sustento e ir elaborando de forma regionalizada as ações mais efetivas da suspensão da modalidade e buscar a substituição desse meio por algo mais adequado” destacou o titular da Sempa, secretário Walter Verbist.

Também participaram da reunião representação do Movimento Nacional de Luta pela Moradia- MNLM, da Guarda Municipal, integrantes da Semurb, Sedettec, SGG e Semusp e representação dos mandatos da vereadora Nadir de Jesus (PT) e vereador Brasil Oliveira (PSD).

 

Notícia anterior
Próxima notícia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Escute a rádio ao vivo