Adesivagem nos trens e outras ações de publicidades rendem R$ 491,7 mil à Trensurb

25 de abril de 2021 - 09:05

Uma série de ações de publicidade no metrô, iniciadas desde novembro, irão render R$ 491,7 mil à Trensurb. Tratam-se da adesivagem externa de sete trens e da instalação de painéis, totens e adesivos nos bloqueios da Estação Santo Afonso. Essas ações são parte de campanhas publicitárias de cinco anunciantes diferentes, com durações que variam de um a nove meses.

Segundo o superintendente de Desenvolvimento Comercial da Trensurb, Diego Tarta, “a melhoria da exploração publicitária é uma das estratégias que a Superintendência estabeleceu como meta para enfrentar as dificuldades financeiras, ocasionadas pela crise que reduziu o número de passageiros no sistema”. A retomada do envelopamento externo de trens e outras ações de publicidade são, segundo Tarta, resultados pontuais de tratativas com os veículos de mídia para incentivá-los a venderem os produtos de publicidade da Trensurb. “Chamamos um por um e pedimos que fizessem um esforço maior de venda, mostrando para os anunciantes os benefícios de anunciarem na mídia do trem”, relata.

Ainda que os resultados recentes sejam positivos, a melhoria da exploração publicitária é um projeto que vai além disso, buscando maximizar a geração de receita com a exploração do potencial de publicidade do metrô por empresas especializadas. “Nosso objetivo é melhorar a experiência dos nossos passageiros, agregar maior valor às ações de publicidade e atrair anunciantes de grande porte para divulgarem seus produtos e serviços na Trensurb”, afirma Tarta. Hoje, há diversas empresas exibidoras credenciadas para comercializar cada um dos espaços publicitários disponíveis nas estações e trens. A ideia é realizar procedimentos licitatórios para permitir a exploração de cada mídia (no interior e exterior dos trens, nas estações e ao longo da via) como um todo, de modo que a Trensurb deixe de comercializar diretamente painéis e outros produtos de forma individual. “A exemplo de outros metrôs do Brasil e do mundo, a Trensurb aos poucos deixará de comercializar diretamente seus espaços na expectativa de aumento na receita não-tarifária”, explica o superintendente.

O próximo passo nesse sentido é o lançamento, em breve, de um edital para contratação de empresa especializada para comercializar mídia externa ao longo da via – principalmente outdoors e frontlights.  “Todo esse potencial será explorado por uma única empresa, com experiência no setor”, afirma Tarta.

 

Notícia anterior
Próxima notícia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Escute a rádio ao vivo