Idosos de São Leopoldo na fila mais esperada, a vacina contra covid-19

10 de fevereiro de 2021 - 11:32
Por Sônia Bettinelli

A família da leopoldense, moradora do bairro Scharlau, Noemia Schendler, 88 anos, vai comemorar o 10/02/2021 como a data especial para a matriarca de sete filhos e oito netos. Ela recebeu a 1ª dose da vacina contra covid-19, no estacionamento do Ginásio Celso Morbach na manhã de hoje, primeiro dia de vacinação para moradores da cidade a partir de 85 anos de idade.  “Vou registrar e mandar para a família. Todo mundo está esperando esse momento para comemorar”, disse a filha Sandra que levou a mãe Noêmia.

A alegria da família Schendler na fila, dentro dos carros, é  a mesma registrada em centenas de carro que chegam pela Avenida Dom João Becker, acessam o interior do ginásio para a fila que confere  a documentação do idoso e comprovante de residência na cidade. A última etapa é receber a carteirinha e a dose.

“Não dói nada”, afirmou Renato Linck, 85 anos, no carro com o filho. Juliana Arnolds, 92 anos, também seguia com o mesmo espírito de vitória e segurança. O filho Paulo também estava muito feliz em participar desse momento.

Das 9 às 16 horas

A vacinação no ginásio segue hoje, amanhã e sexta-feira, das 9 às 16 horas, sem interrupção para almoço. Devem procurar o espaço todos os moradores da cidade a partir de 85 anos.

Segundo o secretário de Saúde, Marcel Frison, na Antiga Sede da Unisinos, também ocorre vacinação de profissionais de saúde e idosos a partir de 85 anos, que devem chegar a pé no local. “O ideal é receber a vacina dentro do carro por uma questão de segurança. Porém, como nem todas as pessoas tem carro ou não tem um familiar para levar, temos o local para quem chegar a pé. Mas faça um apelo para que amigos, vizinhos levem o idoso de carro. É um gesto de solidariedade e segurança”, pediu Marcel Frison.

Notícia anterior
Próxima notícia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Escute a rádio ao vivo