Força-Tarefa de São Leopoldo vai interditar por 7 dias locais que descumprirem o decreto de calamidade pública

9 de dezembro de 2020 - 18:32

De volta à Secretaria Geral de Governo (SGG) após ser eleito vereador, o secretário Marcel Frison anunciou hoje medidas duras para quem descumprir o decreto de calamidade pública. Não haverá qualquer tipo de tolerância por parte da Força-Tarefa, coordenada pela SGG:

– Interdição completa por sete dias das atividades dos estabelecimentos que estejam descumprindo o decreto de calamidade pública de forma reincidente;

  • Caso haja o descumprimento da decisão da interdição, será aberto processo de cassação de alvará do mesmo, ou ainda, caso necessário a abertura de processo-crime por descumprimento e atentado à saúde pública.

As determinações valem a partir de amanhã,  10, em virtude do alarmante aumento de casos e internações no Município de São Leopoldo, somada a perceptível mudança de hábitos da população.

 

 

 

Notícia anterior
Próxima notícia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Escute a rádio ao vivo